O BÁSICO SOBRE MARCA REGISTRADA

" E se eu quiser registrar a marca em apenas 2 classes?

Marca é todo nome ou símbolo que identifica produtos e serviços, e que os distinguem dos demais concorrentes. Além disso, a marca indica quem é o responsável pelo produto ou  serviço, assim como indica o seu local de origem.

Infelizmente, não.

Existe um órgão governamental que é responsável por registrar marcas no país:

é o Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).

Somente o INPI registra marcas no Brasil, e quem definiu isso foi a lei nº 9.279/96.

Assim como um imóvel precisa ser inscrito em um cartório para que o proprietário possa comprovar ser o seu dono, é importante que a marca seja registrada para que uma pessoa ou empresa possa provar perante todas as demais pessoas e empresas que é a proprietária de determinado nome ou logomarca.

Contudo, ninguém é obrigado a registrar a própria marca, assim como ninguém é obrigado a contratar um profissional específico para realizar esse registro.

Classes

Quando uma pessoa ou empresa quer registrar sua marca, ela obrigatoriamente precisa dizer ao INPI se essa marca dá nome a um produto ou a um serviço.

 

Mais que isso, é preciso dizer ao INPI ​qual é o produto/serviço que a sua marca representa.

Isso funciona dessa forma pois o Brasil utiliza um padrão internacional de classes de produtos e de serviços que tem o objetivo de organizar o registro de marcas.

De forma muito simplificada, nós temos 45 "caixas" (que são as Classes) onde estão todos os produtos e serviços existentes.

Dessa forma, nós temos, por exemplo, um caixa específica para artigos de vestuário, bem como uma caixa específica para cursos, e uma caixa específica para agências de publicidade.

Dentro de cada Classe (caixa) há dezenas de produtos e serviços, e a sua marca registrada ficará sempre restrita à caixa que você escolher. Dessa forma, é possível que duas marcas semelhantes convivam no mercado, desde que não estejam dentro da mesma Classe.

Cada Classe requer um registro da marca no INPI. Se a empresa possui produtos ou serviços distribuídos em 3 classes diferentes, então ela terá que realizar 3 registros.

Pode ser assim, porém a terceira classe ficará descoberta e uma outra empresa poderá registrar uma marca igual ou parecida à sua nessa Classe deixada de lado, e você poderá ser impedido de usá-la nela.

" Então posso registrar

   minha marca em um

   cartório da minha cidade?

É dono da marca quem registra primeiro no INPI

Em disputas sobre marcas, os Tribunais dos Estados bem como o Superior Tribunal de Justiça (STJ) têm decidido reiteradas vezes que é dono da marca quem a registrou primeiro no INPI.

Exemplo:​

Um hotel utiliza uma marca desde sua abertura em 2011, porém não o registrou no INPI.

Vamos supor que em 2017 surgiu um outro hotel utilizando a mesma marca do primeiro, ou uma marca muito semelhante.​

O fato do primeiro hotel ser mais antigo no mercado não significa que automaticamente é dono da marca (nome e/ou logo).

Nessa situação hipotética, se o segundo hotel registrar primeiro o seu nome no INPI, o primeiro perderia a marca em território brasileiro, e provavelmente seria proibido de continuar usando-a sob o risco de ser alvo de uma ação judicial por perdas e danos.

O problema não é somente a hipótese de alguém registrar exatamente a sua marca. Um registro semelhante na mesma Classe é capaz de impedir um outro registro.

Justamente por isso as grandes empresas registram suas marcas em todos os países em que abrem mercado.

204 mil marcas

Somente em 2018 o INPI recebeu mais de 204 mil pedidos de registro de marcas.

A partir desse número gigante é preciso considerar o risco de alguém tentar registrar primeiro um nome ou logo idênticos ou semelhantes aos seus no INPI e com isso impedir que você os use.

Se alguém registrar primeiro uma marca que entre em conflito com a sua, você pode se deparar com as seguintes situações:

  • ser impedido de utilizar a marca;

  • ter problemas com os anúncios nas redes sociais por conta das políticas que elas têm em relação a marcas registradas;

  • perder todo o material que possuir sua marca;

  • perder toda a reputação;

  • ter prejuízos por possível confusão com outro concorrente que tenha nome idêntico ou semelhante ao seu.

Indelével Marcas

CNPJ nº 34.788.633/0001-28

​Telefone: (24) 98819-1516​

contato@indelevelmarcas.com.br

  • YouTube - círculo cinza
  • Facebook - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo
  • LinkedIn - círculo cinza

2020 - desenvolvido por Indelével Marcas

Nome *

Email *

Whatsapp

Assunto

Mensagem